Terceirização de serviços: 4 dicas para não errar na contratação de um fornecedor

Compartilhar

É comum as empresas recorrerem aos serviços terceirizados para poupar dinheiro e otimizar processos. Muitas empresas são especializadas em oferecer determinados serviços, trazem uma equipe qualificada e dispõem das ferramentas necessárias para a execução das atividades.

Diante de tantas ofertas, é importante pesquisar e saber escolher a empresa certa. Também chamada de outsourcing, a terceirização otimiza o tempo dos funcionários e permite ao gestor se dedicar a atividades de natureza mais estratégica, mais focadas na principal finalidade do negócio.

Neste artigo, vamos dar 4 dicas para quando você buscar a terceirização de serviços, contratando um fornecedor que atenda às expectativas e às necessidades da empresa. Venha conferir!

1. Deixe as tarefas definidas para a terceirização de serviços

Antes de contratar um fornecedor, é fundamental definir as principais necessidades da empresa e o que se pretende atingir com a terceirização de serviços. Elabore uma lista com os serviços necessários e com aqueles que podem ser deixados de lado.

O critério predominante para definir os objetivos é identificar quais são as atividades mais relevantes que precisam de parceria especializada em setores que a própria empresa não tem pleno conhecimento.

Entre esses serviços, podemos destacar as atividades de limpeza e conservação, de segurança patrimonial, de segurança eletrônica, de portaria e recepção e outras.

Um dos serviços mais terceirizados atualmente é justamente o de segurança, pois nenhuma empresa se sente totalmente segura com a onda de criminalidade que assola o país. Além disso, os serviços voltados para a segurança também envolvem a proteção contra sinistros, como incêndios.

2. Confirme se o fornecedor atende efetivamente às suas necessidades

É necessário também analisar se o fornecedor se encaixa na realidade atual de sua empresa. É importante que exista um alinhamento entre as demandas da empresa contratante e aquilo que a empresa terceirizada oferece.

Faça o orçamento dos serviços que pretende terceirizar e se efetivamente ele se ajusta ao potencial financeiro da empresa. Analise se as categorias de serviço contemplam satisfatoriamente as carências da empresa, pois cada empresa terceirizada tem seus próprios parâmetros de trabalho.

3. Avalie a flexibilidade das soluções ofertadas pela terceirizada

Não convém investir em soluções engessadas, que são pouco ou nada ajustáveis a cenários diferentes. Na verdade, é preciso que ela tenha condições de se adequar ao perfil da empresa contratante, mesmo seguindo alguns parâmetros.

Toda organização, para trabalhar com eficiência, deve seguir alguns parâmetros, mas não pode ser rígida. A flexibilidade é um critério relevante para as pequenas empresas que optam pela terceirização de serviços!

4. Analise a reputação e a experiência do fornecedor

Outro aspecto a considerar é a reputação da empresa que presta serviços. Recomendações de outros gestores são relevantes, bem como comentários na internet. Se ela recebe muitas reclamações e não resolve quase nenhuma é sinal de que não é confiável.

Vale pesquisar a qualificação de seus profissionais e a opinião deles a respeito da empresa em que trabalham. Isso realmente pode dizer muito sobre ela.

Há quanto tempo ela está no mercado? Se está há pouco, tem boa experiência nos ramos em que oferece serviços? Pesquise por cases de sucesso, pois muitos clientes satisfeitos indicam um bom trabalho, no qual compensa investir.

Considere essas dicas quando for procurar uma empresa especializada na terceirização de serviços. Talvez, você precise recorrer a apenas uma empresa que contemple todas as necessidades do negócio, o que vai otimizar mais ainda o custo-benefício.

Vamos prosseguir aprendendo mais sobre serviços terceirizados? Veja como as empresas de terceirização podem melhorar sua empresa!

Comentário no facebook

banner mãos dadas
banner mãos dadas mensagem entre em contato